Quarta-feira, 4 de Agosto de 2021

Uma prova onde venceu a inclusão

A segunda edição da São Silvestre Mirandela foi para a estrada 15 dias depois do previsto, tudo porque a prova, inicialmente agendada para dia 21 de dezembro, teve de ser adiada devido ao mau tempo.

-PUB-

Ainda que, por essa razão, se tenham “registado algumas desistências”, a prova contou com cerca de 280 participantes que fizeram “desta segunda edição um verdadeiro sucesso”, como explicou Hélder Silva, da organização.

“Esta prova está a ser, de facto, um sucesso e espero que continue assim por muitos anos. Estou certo de que iremos repeti-la, com mais força ainda. Queremos fazer da São Silvestre uma prova mítica da cidade de Mirandela”, acrescentou.

Um dos participantes foi Eduardo Bacalhau. Reside na aldeia dos Passos, no concelho de Mirandela, há cerca de dois meses e aceitou o desafio da organização para participar na prova. Até aqui tudo bem, não estivéssemos a falar de alguém que se desloca em cadeira-de-rodas.

“Vim

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.