Quarta-feira, 6 de Julho de 2022

Carro e “roulotte” arderam, na A24

Após quase um mês da sua inauguração, o troço da A24, entre Vila Real e Vila Pouca de Aguiar, registou, na segunda-feira, o seu primeiro incidente de algum aparato. Tudo aconteceu ao km 61, pelas 13.25 horas, quando um Ford Focus, conduzido por uma senhora de nacionalidade suíça, residente em Aarau, próximo de Zurique, começou […]

Após quase um mês da sua inauguração, o troço da A24, entre Vila Real e Vila Pouca de Aguiar, registou, na segunda-feira, o seu primeiro incidente de algum aparato. Tudo aconteceu ao km 61, pelas 13.25 horas, quando um Ford Focus, conduzido por uma senhora de nacionalidade suíça, residente em Aarau, próximo de Zurique, começou a largar chamas, pelo cano de escape da viatura. Num ápice, as mesmas atingiram uma “roulotte”que seguia atrelada ao veículo, onde viajava, também, o seu marido. As chamas e o fumo negro que saíam dos veículos foram visíveis, em Vila Real.

“Sentimos um forte cheiro a queimado e, quando parámos, já vimos a traseira do carro a arder. Ainda tentámos tirar algumas coisas, mas não conseguimos!”.

Os Bombeiros da Cruz Verde de Vila Real (um piquete de Prevenção de Fogos Florestais que se encontrava por perto) prontamente apareceram, no local, mas já nada puderam fazer, perante o autêntico archote em que se transformaram a “roulotte” e o carro (que tinha seis anos e fôra revisto, antes das férias do casal suíço), conforme nos garantiram.

Durante o ataque ao fogo, os Bombeiros ainda conseguiram retirar uma botija de gás que estava na “roulotte”, evitando que a mesma explodisse.

A circulação, na A24, esteve condicionada, durante alguns minutos, para que fosse extinto incêndio que durou cerca de dez minutos.

O casal suíço já estava de regresso ao seu país (seguia no sentido Vila Real – Vila Pouca de Aguiar), depois de um período de férias em Portugal.

Ainda mal refeitos do sucedido, confessaram que tinham seguro e que estavam felizes por terem escapado com vida.

A BT da GNR de Vila Real tomou conta da ocorrência e desenvolveu, no local, operações de regulação do trânsito.

De referir que, durante a manhã, próximo da passagem para os animais de grande porte, verificou-se o despiste de um carro, provocando dois feridos ligeiros.

 

Jmcardoso

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.