Sábado, 25 de Maio de 2024
No menu items!

Feira Medieval começa hoje

A partir de hoje e até o próximo domingo, decorre em Torre de Moncorvo mais uma edição da Feira Medieval, este ano com o tema da visita Régia de D. Dinis a Terras transmontanas.

-PUB-

Segundo a organização, a feira vai recriar a visita do Rei a Moncorvo, desde a sua chegada até ao cortejo de despedida, assim como a sua participação em atos oficiais e atividades de convívio e lazer.

Terão ainda lugar muitas outras atividades como as conceções régias aos moradores de Moncorvo, treino dos cavaleiros, justas e torneios, investiduras de novos cavaleiros, assalto ao castelo, demanda, audiência geral dos povos, pelourinho e casamento medieval.

Do vasto programa faz ainda parte um mercado medieval, situado na Praça Francisco Meireles e Largo General Claudino, onde se podem encontrar as mais variadas peças de artesanato e produtos regionais. Já no largo Dr. Balbino Rego ficarão situados os estábulos e um parque infantil medieval e no Largo do Castelo o acampamento das Damas D’el Rei, exposição de máquinas de tortura medievais e oficinas do velho ofício.

A feira conta ainda com um espaço dedicado ao repasto, as tabernas, situadas no Largo do Sagrado Coração de Jesus, onde o Rei, a sua corte e os visitantes podem experimentar os sabores da época.

Nesta viagem medieval não faltará também a animação com o musical “A Passagem”, músicas e danças medievais, animação de rua com mendigos, ciganas, magos, bobos da corte, malabaristas e cuspidores de fogo. Decorrerão também rixas entre grupos rivais, haverá saltimbancos e menestréis, trovas e folguedos, demonstração de armas e demonstração do jogo do pau.

Envolvendo todo o centro histórico da vila, a participação da comunidade escolar e de toda a comunidade local, convidamo-lo para uma visita ao passado do concelho e para apreciar o que de melhor tem para oferecer atualmente.

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

VÍDEOS

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS