Sábado, 17 de Abril de 2021

Misericórdias “não praticarão eutanásia”

Posição foi tomada esta quarta-feira em Boticas numa reunião do Secretariado Nacional das Misericórdias Portuguesas.

A União das Misericórdias Portuguesas (UMP) tornou pública a sua posição perante a questão da eutanásia cuja despenalização estará em aprovação no Parlamento, esta quinta feira. 

Após uma reunião do secretariado nacional, que decorreu em Boticas, as Misericórdias deliberaram que “perante a eventualidade do Parlamento vir a aprovar a eutanásia, as Misericórdias não a praticarão a nenhum título”, referiu Manuel Lemos. O presidente da UMP ressalvou que caso se venha a verificar alguma situação em algumas das instituições e “no respeito pela pessoa humana, e pela liberdade individual, se houver um utente a solicitar apoio para colocar termo à vida, as Misericórdias facilitarão a transferência desse utente para uma entidade certificada que o queira e possa

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.