Sexta-feira, 20 de Maio de 2022

Peças de teatro “ajudam” ao sucesso escolar

O município de Alijó está a promover um ciclo de teatro direcionado aos alunos do Agrupamento de Escolas D. Sancho II, que teve início na semana passada com a apresentação das peças “Auto da Barca do Inferno” e “A Farsa de Inês Pereira”, de Gil Vicente, pela companhia Filandorra - Teatro do Nordeste.

Esta iniciativa, promovida no âmbito do Plano Integrado e Inovador de Combate ao Insucesso Escolar (PIICIE) Alijó Educa+, “pretende contribuir para o enriquecimento do processo de ensino-aprendizagem, proporcionando aos alunos experiências pedagógicas significativas, estimuladoras, diversificadas e, sobretudo, facilitadoras e promotoras do sucesso escolar”, explica a autarquia em comunicado.

Para além das obras de Gil Vicente, os alunos do grupamento terão oportunidade, durante o presente ano letivo, de assistir a peças de teatro sobre a obra literária de Luís Vaz de Camões, Eça de Queiroz, Almeida Garrett, Alice Vieira, José Saramago, Jorge Amado e Virginia Woolf.

Na mesma nota, a autarquia revela que este ciclo de teatro “assume-se como um projeto criativo de descoberta, reinvenção e reconstrução de obras literárias e visa promover o contacto dos alunos com todos os elementos inerentes à dramatização, fomentar o gosto pelo teatro e motivar a leitura e o estudo das obras daqueles autores”.

Os objetivos desta atividade “passam também por potenciar a experimentação de novas abordagens pedagógicas, bem como por promover o diálogo entre as práticas artísticas e os conteúdos curriculares”.

 

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.