Terça-feira, 18 de Janeiro de 2022
©EN

Peripécia Teatro e ICNF juntos em ação de reflorestação

Azevinho, medronheiro, amieiro, freixo, pinheiro manso e cedro do bussaco.

-PUB-

Todas elas são espécies autóctones e estão agora no espaço exterior da antiga escola do Coêdo, em Vila Real.

O que em tempos foi um estabelecimento de ensino é agora sede da Peripécia Teatro. Foi lá que elementos da companhia se tornaram voluntários e, com a ajuda de um técnico do ICNF (Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas)

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.