Sábado, 31 de Julho de 2021
©DR

PSP diz que Pioledo é a zona “mais policiada” de Vila Real

A PSP de Vila Real garantiu hoje que o Pioledo, onde se concentram bares e jovens, é a zona “mais policiada” da cidade, depois de notícias que alertam para a insegurança naquele espaço.

-PUB-

No Pioledo, localizado no centro da cidade de Vila Real, concentram-se vários estabelecimentos de diversão noturna e, em junho, uma escaramuça que envolveu vários jovens resultou em ferimentos ligeiros em três deles e em danos na porta de um banco e numa máquina multibanco.

São recorrentes as queixas dos moradores daquela zona de bares devido principalmente ao barulho provocado pelos consumidores que permanecem no exterior dos estabelecimentos mesmo após o encerramento destes.

Num comunicado divulgado hoje, a PSP referiu que, com a “existência de um elevado número de estabelecimentos de restauração e bebida e similares, associado a uma também elevada concentração de pessoas, é fácil perceber que tal combinação potencia não só um aumento de ruído ambiente como uma maior probabilidade de incivilidades, sejam ou não de índole criminal”.

“Todas elas devidamente resolvidas e encaminhadas para a respetiva entidade competente”, salientou a polícia.

Segundo a PSP, “o aumento de pessoas nos bares, discotecas e, de uma maneira geral, na via pública, seja na zona do Pioledo ou numa outra qualquer zona da cidade de Vila Real, está diretamente ligado ao desconfinamento”.

“Devido à conjugação de todos estes fatores, o Pioledo é, seguramente, a zona mais policiada da cidade de Vila Real, tanto no período diurno com noturno. A prová-lo estão os inúmeros relatórios, participações e autos de notícia”, acrescentou a força policial.

O Comando Distrital da PSP de Vila Real garantiu que “está atento a todos os fenómenos que ocorrem na sua área de jurisdição” e, através das diversas valências policiais, tem “dirigido um policiamento intermitente, mas regular a zona do Pioledo, com especial atenção e reforço nos horários noturnos”.

Sendo “prova” dessa atuação, acrescentou, o “aumento do número de autos de contraordenação” por violação às restrições covid-19: não utilização de máscara, desrespeito do distanciamento de segurança, consumo de bebidas alcoólicas na via publica, excesso de lotação de estabelecimentos ou funcionamento para alem de horário autorizado.

Numa notícia divulgada num jornal diário nacional esta semana foi destacada uma escaramuça ocorrida no Pioledo envolvendo militares do Exército.

A PSP lamentou “o alarme social” provocado pela notícia e esclareceu que a última ocorrência confirmada relacionada com desacatos envolvendo militares, naquela zona, remonta a 2017.

 

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.