Quarta-feira, 7 de Dezembro de 2022
No menu items!
0,00 EUR

Nenhum produto no carrinho.

Studar mirandés pa la lhéngua nun se perder*

*Estudar mirandês para que a língua não caia no esquecimento

PUB

Desde 1999 que o mirandês é a segunda língua oficial de Portugal. Em Miranda do Douro, são os mais velhos que vão conservando o legado, ao falarem, entre si, neste dialeto. Contudo, o ensino do mirandês nas escolas tem ganho cada vez mais adeptos.

Não é uma disciplina obrigatória, mas são muitos os que optam por frequentar as aulas de mirandês. Este ano letivo, o Agrupamento de Escolas de Miranda do Douro (AEMD) registou um número recorde de inscritos. Dos 575 alunos, 79% escolheram ter aulas de Língua e Cultura Mirandesa.

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

PUB

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

COMENTAR FACEBOOK

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.