Terça-feira, 6 de Dezembro de 2022
No menu items!
0,00 EUR

Nenhum produto no carrinho.

Termina hoje prazo de entrega de listas

Depois de dois mandatos consecutivos, como Presidente, e mais de uma década, como membro da Direcção da Associação Comercial e Industrial de Vila Real, Fernando Cardoso vai dizer adeus ao cargo. A Associação irá a votos, no próximo mês, e já há, pelo menos, dois candidatos.   “Os dirigentes passam, as associações ficam”, lembrou Fernando […]

PUB

Depois de dois mandatos consecutivos, como Presidente, e mais de uma década, como membro da Direcção da Associação Comercial e Industrial de Vila Real, Fernando Cardoso vai dizer adeus ao cargo. A Associação irá a votos, no próximo mês, e já há, pelo menos, dois candidatos.

 

“Os dirigentes passam, as associações ficam”, lembrou Fernando Cardoso, mostrando desprendimento ao lugar mais alto da Associação Comercial e Industrial de Vila Real (ACIVR) que irá a votos no início do próximo ano e cujo prazo de apresentação das listas candidatas acaba hoje.

Fernando Cardoso que, há mais de uma década, exerce funções nos Órgãos Directivos da ACIVR, desempenhando, nos dois últimos mandatos, o papel de Presidente da Direcção, despede-se do lugar, afirmando que “está na hora dar o lugar a outros.

Acho que todos nós temos um tempo, temos uma passagem”, explicou o ainda Presidente da Associação, adiantando que já são conhecidas duas candidaturas, uma do actual Vice-Presidente da ACIVR, José Ricardo, e outra do Presidente da Mesa da Assembleia Geral, Carlos Bessa.

José Ricardo explicou-nos que o seu candidato seria Fernando Cardoso, uma vez que considera ser ele a pessoa mais indicada para representar os comerciantes. No entanto, depois da decisão do actual dirigente de deixar o cargo, este assumiu a liderança da lista.

“Não se pode dizer que é uma candidatura de continuidade, é uma equipa renovada”, afirmou José Ricardo.

Comerciante há mais de 25 anos, o candidato garante que conhece bem os problemas do pequeno comércio e afirma que o objectivo é fazer cada vez mais e melhor, pelo Comércio Tradicional.

À semelhança do seu adversário, Carlos Bessa explica que também apoiaria “de alma e coração” a candidatura de Fernando Cardoso.

“Ele fez um bom trabalho e lutou muito pelos comerciantes”, referiu o candidato, lamentando, no entanto, que, por vezes, não tenha sido “compreendido, por alguns comerciantes”.

Depois de fazer parte da Direcção, durante um mandato, e de ocupar o lugar de Presidente da Mesa da Assembleia Geral, nos últimos dois anos, Carlos Bessa acredita que poderá fazer ainda mais pelos comerciantes, prometendo defendê-los, “até à exaustão”.

Para além de avançar com a ideia de fazer um levantamento sobre o Comércio Tradicional, calculando índices como os postos de trabalho existentes, Carlos Bessa pretende incentivar um maior e melhor relacionamento entre as Câmaras Municipais e os comerciantes.

Actuando nos concelhos de Vila Pouca de Aguiar, Mondim de Basto, Ribeira de Pena, Alijó, Murça, Vila Real e Sabrosa, a Associação Comercial e Industrial de Vila Real conta, actualmente, com 1700 sócios activos

 

Maria Meireles

PUB

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

COMENTAR FACEBOOK

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.