Quinta-feira, 28 de Outubro de 2021

Vai ser criada a ZIF de Vila Chã

Teve lugar, no dia 10 de Junho, no Centro de Dia de Vila Chã, uma reunião entre a Junta de Freguesia desta localidade, a Câmara Municipal de Alijó, a Associação de Baldios de Francelos, a Aflodounorte e os produtores florestais, com vista à criação de uma Zona de Intervenção Florestal (ZIF). Iniciando a sessão de […]

-PUB-

Teve lugar, no dia 10 de Junho, no Centro de Dia de Vila Chã, uma reunião entre a Junta de Freguesia desta localidade, a Câmara Municipal de Alijó, a Associação de Baldios de Francelos, a Aflodounorte e os produtores florestais, com vista à criação de uma Zona de Intervenção Florestal (ZIF).

Iniciando a sessão de esclarecimento, o Presidente da Junta de Vila Chã começou por esclarecer que a criação de uma ZIF, naquela freguesia, uma vontade manifestada por alguns produtores e pela própria Junta, sendo necessária a participação do maior número de produtores florestais.

Por seu lado, o Presidente da Câmara Municipal de Alijó disse acreditar ser este o futuro para melhorar a rentabilidade da produção florestal. Tal como está a ser explorada a mancha florestal da parte norte do Concelho, esta não traz mais-valias aos seus proprietários e ao concelho, estando a desaparecer, gradualmente, devido à falta de limpeza e aos incêndios.

De acordo com o autarca, a criação da ZIF torna-se ainda mais necessária, com a futura instalação de uma Central de Biomassa no Município de Alijó, que vai necessitar dos resíduos produzidos na floresta. Se os produtores e proprietários estiverem associados, poderão vender o seu produto, com mais-valias.

A ZIF irá possibilitar, aos proprietários e produtores florestais, gerir o seu património, de forma conjunta e com uma gestão técnica correcta, permitindo ultrapassar as barreiras estruturais das pequenas propriedades, tornando- -as viáveis, economicamente.

Para apresentar este projecto, deslocaram-se àquela localidade técnicos da Aflodounorte. Esta associação já detém alguma experiência de ZIF, em Murça e em outras localidades, bem como na participação do ordenamento dos baldios de Francelos, na freguesia vizinha de Vilar de Maçada.

Os objectivos desta Zona de Intervenção passam pela promoção, gestão, recuperação e protecção sustentável dos espaços florestais, sendo que a constituição da ZIF deve ser uma iniciativa dos proprietários.

Só depois de constituída, a ZIF poderá ser administrada por uma entidade gestora nomeada e que terá a seu cargo a elaboração do regulamento interno e a elaboração dos planos de gestão e defesa da floresta contra incêndios.

As vantagens da criação da ZIF passam pela profissionalização do ordenamento e da gestão florestal, criando condições para que os proprietários, a maior parte já com idades consideráveis, possam entregar essa gestão à entidade gestora da ZIF, bastando, para isso, associarem-se a essa entidade.

Outra das vantagens tem a ver com o tratamento burocrático para candidaturas, para a exploração e gestão das suas parcelas florestais, criando condições para a limpeza e reflorestação dos mesmos.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.