Terça-feira, 18 de Junho de 2024
No menu items!

Alvinegros só acordaram no segundo tempo

Depois de uma pausa para as festividades natalícias, o futebol distrital regressou ao Monte da Forca, num jogo teoricamente fácil para o líder do campeonato, frente a um Valpaços que tem vindo a subir de rendimento, mas está longe de ser uma equipa com os mesmos argumentos de outros adversários.  

-PUB-

O jogo começou por ser equilibrado, numa primeira metade de fraco nível, jogada numa toada muito lenta, o que facilitou a tarefa dos comandados de Nené Baptista, que se mostravam bastante coesos no setor mais recuado, com dois blocos baixos que não davam espaços ao adversário. A atitude da equipa local era demasiado passiva e as oportunidades eram raras. Apesar do maior domínio de jogo, os alvinegros sentiam muitas dificuldades em criar situações de finalização junto à área de Rato, que esteve sempre muito atento entre os postes. A melhor situação aconteceu em cima do intervalo, com Filipe Melo, um dos mais inconformados, a entrar na área e a rematar para excelente intervenção de Rato,

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

MAIS ARTIGOS

VÍDEOS

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS