Quarta-feira, 24 de Julho de 2024
No menu items!




André Carrinho expõe “Panoramas”

Irá ser exposta em Alfândega da Fé, sendo o primeiro artista cartoonista português a vencer o Grande Prémio do World Press Cartoon.

-PUB-

A Casa da Cultura Mestre José Rodrigues, em Alfândega da Fé de André Carrilho, que em 2015 foi o primeiro cartunista de nacionalidade portuguesa a vencer o Grande Prémio do World Press Cartoon. A mostra estará patente na Galeria Manuel Cunha, de 4 de julho a 29 de setembro, com entrada livre.

A mostra “Panoramas” conta com 28 obras, maioritariamente de cartoon e desenho editorial, reunindo trabalhos publicados em Portugal e nos Estados Unidos da América, que segunda a câmara municipal de Alfândega da Fé “sintetizam tanto épocas e narrativas específicas, como grandes intervalos de tempo, procurando clareza na interligação de acontecimentos, de personalidades e de conceitos, da cerimónia dos Óscares ao 11 de Setembro, da história do jornal mais antigo de Portugal, à pandemia de Covid-19”.

André Carrilho tem uma carreira de mais de 30 anos como artista gráfico, já foi recompensado com mais de 100 distinções nacionais e internacionais. O trabalho do artista já foi exposto em Portugal, Espanha, Brasil, França, China e EUA. Em 2002 foi galardoado com o prémio Gold Award para Portfolio de Ilustração pela Society for News Design (EUA), um dos mais importantes prémios de ilustração a nível mundial.

Em 2015 foi o primeiro cartoonista português a vencer o Grande Prémio do World Press Cartoon.

Esta exposição resulta de uma parceria com a Câmara Municipal da Amadora que cedeu as obras da sua reserva cultural. 

[adrotate group="24"]

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

VÍDEOS




Mais lidas

[adrotate group="3"]

ÚLTIMAS NOTÍCIAS