Quinta-feira, 6 de Maio de 2021
©DR

Dia Mundial do Sono – “Dormir é tão ou mais importante do que comer ou beber”

Dormir bem é fundamental para o nosso equilíbrio. Há medidas que podemos adotar e vários hábitos que não devemos ter para conseguirmos dormir melhor.

Dormir bem é fundamental para o nosso equilíbrio. Há medidas que podemos adotar e vários hábitos que não devemos ter para conseguirmos dormir melhor. A VTM foi perceber que mistérios esconde o sono e que implicações pode ter na qualidade de vida. Uma boa noite de sono pode fazer a diferença e devemos procurar ajuda quando percebemos que
não estamos a dormir como seria expectável.

Amanhã, 19 de março, é assinalado o Dia Mundial do Sono, que este ano tem como tema “Sono regular, futuro saudável”. Mas afinal o que está por detrás do sono? Que implicação tem no nosso bem-estar? Que doenças lhe podem estar associadas? Quantas horas devemos dormir por dia? Deve utilizar-se medicação para dormir?

Estas foram algumas questões que abordamos com Pedro Guimarães, neurologista do Centro Hospitalar de Trás-os-Montes e Alto Douro (CHTMAD), que tem uma equipa multidisciplinar para acompanhar pacientes com patologias que muitas vezes podem estar associadas à qualidade do sono.

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.