Segunda-feira, 2 de Agosto de 2021
©GNR

Dois detidos por métodos proibidos de caça

O Comando Territorial de Bragança, através do Núcleo de Proteção Ambiental (NPA) de Mirandela deteve dois homens, de 70 e 61 anos, por crimes contra a fauna e espécies cinegéticas, em Mirandela.

-PUB-

No âmbito de uma ação de patrulhamento ambiental foram detetados “dois homens, no exercício de ato venatório através de meios não permitidos”, explica a GNR em comunicado.

Na continuação da fiscalização, a guarda revela que ainda foi possível apurar que “os caçadores não tinham licença de uso e porte de arma e que utilizavam cartuchos vulgarmente designados por zagalotes. Os infratores também não eram detentores da carta de caçador e não tinham a autorização da entidade gestora da zona de caça”.

Os homens foram detidos, tendo sido  apreendidas duas caçadeiras, cinco cartuchos com zagalote e dois cartuchos com projétil único.

Os detidos foram constituídos arguidos, e os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Mirandela.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.