Segunda-feira, 28 de Novembro de 2022

“Intervenção Precoce” beneficia 25 crianças

Vinte e cinco crianças com problemas de aprendizagem e de ordem física e motora passam agora a ser abrangidas pelo projecto “Intervenção Precoce”. A responsabilidade deste projecto, no concelho, é da Associação 2000 de Santa Marta de Penaguião que aproveitou a passagem do seu sétimo aniversário para celebrar o respectivo protocolo que envolve várias instituições. […]

-PUB-

Vinte e cinco crianças com problemas de aprendizagem e de ordem física e motora passam agora a ser abrangidas pelo projecto “Intervenção Precoce”. A responsabilidade deste projecto, no concelho, é da Associação 2000 de Santa Marta de Penaguião que aproveitou a passagem do seu sétimo aniversário para celebrar o respectivo protocolo que envolve várias instituições.

A cedência das antigas instalações da Escola Primária de Concieiro, por parte da Câmara Municipal, foi um passo importante para a afirmação do projecto. Assim como o foi, igualmente, o compromisso assumido pelos representantes dos Ministérios da Segurança Social (Rui Santos) Saúde (José Maria Andrade), Educação (Carlos Fraga) e Centro Hospitalar de Trás-os-Montes e Alto Douro (CHTMAD) (Manuel Pimentel), em colaborar com o mesmo. Nesta cerimónia que ocorreu na antiga Escola de Concieiro, esteve presente, também, o Deputado do PSD, pelo Círculo de Vila Real, Ricardo Martins.

O Director da Associação 2000, António José Ribeiro, estava satisfeito pela passagem de mais um ano da sua instituição e, também, pelo protocolo assinado.

“Foram sete anos em que a Associação cresceu e se desenvolveu e foi um esforço de todos que valeu a pena. Actualmente, somos conhecidos pelo nosso trabalho, a nível regional e nacional, por todo um conjunto de acções, em prol da solidariedade”.

António José Ribeiro salientou a importância do novo projecto: “Intervenção Precoce é o segundo projecto de execução, no distrito de Vila Real. Vai arrancar, no concelho, em parceria com a Câmara Municipal e com outras entidades. É necessário, para o concelho, tendo em conta a realidade social assente num levantamento que fizemos, há dois anos. É urgente a sua aplicação”.

O Presidente da Câmara Municipal de Santa Marta de Penaguião, Francisco Ribeiro, foi um dos grandes entusiastas pela celebração deste protocolo, disponibilizando, desde logo, as instalações da Escola de Concieiro: “É uma iniciativa importante, para a nossa comunidade. Foi uma parceria com a Associação 2000 que nos permitiu requalificar escolas que tinham encerrado, por falta de alunos. É um projecto interessante e vai dar alguma dinâmica à povoação de Concieiro, mas, acima de tudo, vai contribuir para que um conjunto de jovens possa desenvolver uma série de actividades, capazes de contribuir para um futuro melhor”.

Pelo seu lado, o Director do Centro de Solidariedade e Segurança Social de Vila Real, Rui Santos, estava também contente com o arranque do projecto: “Envolve a detecção de casos de crianças que tenham problemas de aprendizagem, físicos e motores. E detectar estes problemas, logo à partida, para serem corrigidos, é muito importante. Ao todo, são vinte e cinco crianças, com o apoio de 26.000 euros, até ao final do ano, envolvendo, por parte do Ministério da Educação, a cedência de professores e educadores de infância. É um projecto de parceria que envolve, ainda, a Câmara Municipal de Santa Marta de Penaguião, a Sub-Região de Saúde, o CHTMAD, em termos de apoio de serviços médicos, quer primários, quer em algumas situações médicas mais específicas”.

De referir que a Segurança Social de Vila Real apoia mais de 97 instituições, num valor que ultrapassa os 30 milhões de euros. Só no concelho de Santa Marta de Penaguião, apoia sete instituições e, aproximadamente, 550 utentes. Anualmente, há um investimento de 1,3 milhões de euros, no concelho. Para o futuro, há escolas que poderão também ser requalificadas. Depois de Banduge, cedida também à Associação 2000, para projectos relacionados com carpintaria, segue-se a de Carvalhais que, quando fechar, será cedida para a sede da tuna. A escola de Fiolhais também foi revertida para a Junta de Freguesia, indo ali funcionar um centro de convívio sénior. Por fim, refira-se que, no âmbito do “Progride”, a Segurança Social apoia o projecto que foi apresentado pela Associação, denominado “Sorrisos”, com 524 mil euros, o qual vai decorrer, até 2010

 

Jmcardoso

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

COMENTAR FACEBOOK

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.