Quinta-feira, 5 de Agosto de 2021
©DR

Mais 3.162 casos, sete mortos e aumento de internamentos 

Portugal registou hoje mais 3.162 novos casos de infeção pelo vírus SARS-CoV-2, seis mortes atribuídas à covid-19 e um aumento de doentes internados e em cuidados intensivos, referem os dados da Direção-Geral da Saúde (DGS).

-PUB-

Segundo o boletim epidemiológico da DGS, a maioria das novas infeções foi registada na região de Lisboa e Vale do Tejo, com 1.407, e o país regista hoje um total de 44.006 casos ativos.

Os mesmos dados indicam ainda que se registaram seis óbitos, menos um do que os verificados na sexta-feira, estando agora mais 15 pessoas internadas em enfermaria, num total de 632, e mais três doentes em unidades de cuidados intensivos, que acolhem 144 pessoas.

As seis mortes registadas nas últimas 24 horas ocorreram nas regiões do Algarve, com duas, no Centro, com uma, e Lisboa e Vale do Tejo, com três, elevando o número de óbitos atribuídos à pandemia para um total de 17.148, dos quais 9.007 relativos a homens e 8.141 a mulheres. A faixa etária em que se regista maior número de mortos é a de maiores de 80 anos, seguida dos 70-79.

Desses seis óbitos hoje anunciados, um enquadra-se na faixa etária entre os 50 e 59 anos, e outro na faixa etária dos 60-69, enquanto os restantes quatro estão no grupo dos 70-79 anos.

A faixa etária com maior número de casos registados nas últimas 24 horas foi a dos 40 aos 49 anos, seguindo-se o grupo dos 50 aos 59 anos e os grupos dos 20-29 e 30-39 anos.

De acordo com a autoridade de saúde, recuperaram da infeção nas últimas 24 horas mais 2.473 pessoas, o que aumenta para 844.497 o número de recuperados desde o início da pandemia.

O número de contactos em vigilância está nos 72.635, na sequência de 1.317 pessoas terem passado, nas últimas 24 horas, a integrar este grupo.

Desde o início da pandemia no país, contam-se 905.651 casos acumulados.

A região de Lisboa e Vale do Tejo contabiliza desde então 353.171 casos de infeção, seguida de perto pelo Norte (352.709), refere a DGS.

No Centro já foram notificados 124.362 casos, no Alentejo 31.726, no Algarve 27.100, na Madeira 10.064 e nos Açores 6.519.

As autoridades regionais dos Açores e da Madeira divulgam diariamente os seus dados, que podem não coincidir com a informação disponibilizada no boletim da DGS.

Segundo os dados disponibilizados na página da DGS relativos a sexta-feira, existem agora 9.625.694 doses de vacinas administradas, 5.915.601 referentes à primeira dose e 3.710.093 à segunda.

Portugal continental regista uma taxa de incidência de infeções por 100 mil habitantes de 280,5, ao nível continental e de 271,2 a nível nacional, enquanto o índice de transmissibilidade (Rt) do vírus está a 1,18 a nível nacional (1,19 ao nível do continente).

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 4.013.756 mortos em todo o mundo, resultantes de mais de 185,5 milhões de casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o balanço mais recente feito pela agência France-Presse.

A doença respiratória é provocada pelo coronavírus SARS-CoV-2, detetado no final de 2019 em Wuhan, uma cidade do centro da China, e atualmente com variantes identificadas em países como o Reino Unido, Índia, África do Sul, Brasil e Peru.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.