Quarta-feira, 6 de Julho de 2022

O inestimável serviço das autarquias

Com o decorrer dos meses, vai-se incutindo, na opinião pública portuguesa, a necessidade de contenção de gastos da Administração do Estado, em que as autarquias se integram, reduzindo, fortemente, as despesas de gestão, alterando um modelo que vinham seguindo, mas obedecendo, sempre, a princípios e ao respeito escrupuloso das leis do Estado. Não podem as […]

-PUB-

Com o decorrer dos meses, vai-se incutindo, na opinião pública portuguesa, a necessidade de contenção de gastos da Administração do Estado, em que as autarquias se integram, reduzindo, fortemente, as despesas de gestão, alterando um modelo que vinham seguindo, mas obedecendo, sempre, a princípios e ao respeito escrupuloso das leis do Estado.

Não podem as autarquias colocar-se à margem desse esforço nacional. Sendo elas gestoras dos dinheiros públicos, deverão ser as primeiras a empenhar-se em tal objectivo.

As autarquias desenvolvem programas vastos de administração do seu território local que vai da construção de infra-estruturas de saneamento, abastecimento de água, recolha de resíduos urbanos, estradas, construções de equipamentos escolares a um sem número de funções com que, no

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

Mais Lidas

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.