Quarta-feira, 1 de Fevereiro de 2023
No menu items!
0,00 EUR

Nenhum produto no carrinho.

‘Poker’ de Rodrigo Silva

Jogo de sentido único deu em goleada

-PUB-

O Mesão Frio apresentou-se apenas com um jogador suplente, sinónimo de alguma fragilidade. Mesmo assim, a resistência durou 15 minutos, altura em que a Diogo Cão abriu o ativo. Pouco depois, Afonso Marante saiu lesionado e tudo se tornou mais complicado para o Mesão Frio. Houve uma fase em que os jovens forasteiros chegaram a atuar apenas com dez elementos e mostravam ser uns autênticos heróis na forma como encaravam o jogo.

No intervalo, o técnico Francisco Silvério colocou os seus jogadores a exames específicos, recuperando ainda o Afonso Marante, que entrou no jogo já com a segunda metade a decorrer, mas os locais não abdicaram da sua postura atacante e os golos acabaram por aparecer com toda a naturalidade, com destaque para o ‘poker’ de Rodrigo Silva e os ‘hat-trick’ de Tomás Valério e de Bernardo Garcia.


FICHA TÉCNICA

DIOGO CÃO A, 15 | MESÃO FRIO, 0

Complexo Desportivo da UTAD

Árbitro: Nuno Silva
Auxiliares: Jorge Brás e Afonso Varela

DIOGO CÃO A: António Santos; Rafael Costa, Diogo Peixoto, Martim Medeiros e Dinis Santos; Tomás Valério, Bernardo Ramalho e Rodrigo Morais; Pedro Bastos, Mateus Ferreira e Afonso Ramalho
Suplentes utilizados: Tiago Borges, Diogo Santos, Bernardo Garcia, Dinis Marra e Rodrigo Silva
Treinador: António Topinha

MESÃO FRIO: Guilherme Pereira; Pedro Valente, Leandro Sousa, Rafael Pereira e Duarte Barbosa; Gonçalo Pereira, Duarte Pinto e Alberto Mota; Gabriel Guedes, Afonso Marante e Diego Monteiro
Suplente utilizado: Pedro Correia
Treinador: Francisco Silvério

Ao intervalo: 5-0

Marcadores: Tomás Valério (15’, 17’ e 80’), Bernardo Garcia (28’, 33’ e 42’), Martim Madeiros (40’ e 60’), Rodrigo Silva (44’, 51’ 55’ e 77’), Diogo Peixoto (45’), Rafael Costa (68’) e Alberto Morta (78’ p.b.) [/block]

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

COMENTAR FACEBOOK

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.