Domingo, 19 de Setembro de 2021
© DR

Seminário debateu “Sexualidade e Afetos”

“Sexualidade e Afetos” foi o tema do mais recente seminário realizado em Murça, organizado pela Equipa dos Planos Integrados e Inovadores de Combate ao Insucesso Escolar (PIICIE) do concelho.

-PUB-

Este evento, dinamizado no âmbito do Plano Anual de Atividades da Equipa, pretendeu desmistificar e consciencializar sobre estes assuntos, tão discutidos pela sociedade, atualmente.

A abertura ficou a cargo do vice-presidente do município, António Marques, que tem o pelouro da educação, entre as várias referências que fez quanto à importância da Equipa Multidisciplinar, particularmente no exigente período Covid-19, não deixando de referir a importância da discussão destes temas, urgentes de serem debatidos, com abrangência multidisciplinar e o envolvimento da comunidade.

O seminário contou com a presença de dois oradores, que abordaram o tema de acordo com a perspetiva das suas áreas profissionais. Bruno Filipe Silva, psicólogo, focou-se em explicar o que é a sexualidade, bem como diversos conceitos a ela associados, através da comunicação “À Descoberta da Sexualidade: diversidade sexual e afetiva”. Já Marco António Ribeiro, jornalista, abordou a forma como os media podem influenciar as relações interpessoais, com a apresentação “Os media portugueses: pontes para os afetos?”.

As apresentações tiveram grande interesse do público. Verificou-se uma forte participação dos presentes no Auditório do Centro de Cultura de Murça, tendo sido colocadas inúmeras questões aos oradores, gerando-se uma troca de perspetivas e debate de ideias na sala, acerca de diversos tópicos e pontos de vista ligados à sexualidade e aos afetos. Este envolvimento evidenciou a importância de se abordar estes temas, sobretudo junto dos mais jovens e comunidade escolar, por fim a evitar potenciais situações de ‘bullying’ ou de discriminação.

Esta foi mais uma iniciativa da autoria do PIICIE Murça, um projeto desenvolvido pela Câmara Municipal de Murça, com intervenção direta no Agrupamento de Escolas do Concelho de Murça.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.