Quarta-feira, 26 de Janeiro de 2022
© Arquivo VTM

Vinhais disponibiliza transporte para testes antes do regresso às aulas

A Câmara Municipal de Vinhais, no distrito de Bragança, está a disponibilizar transportes para a realização de testes a alunos e encarregados de educação como medida preventiva antes do reinício das aulas, na próxima segunda-feira

-PUB-

Além do transporte, o município garante também a possibilidade da realização de testes de despiste à covid-19 àqueles que já esgotaram o número comparticipado pelo Serviço Nacional de Saúde, como informou em comunicado.

A Câmara Municipal concretiza que “disponibiliza transporte para os alunos e respetivos encarregados de educação que queiram fazer os testes nos locais onde podem ser realizados”.

Para fazer a despistagem da infeção pelo novo coronavírus, a população tem de se deslocar à sede de concelho, Vinhais, onde existem três locais para o efeito, ou à localidade de Rebordelo, onde há um local para a realização dos testes.

Os interessados deverão contactar a Câmara Municipal para a marcação do transporte, como salienta no comunicado, indicando que “também no caso de alguns alunos já terem feito o número de testes que são comparticipados e pretendam fazer outro teste, o seu pagamento será assegurado pela autarquia”.

A medida é justificada “tendo em atenção o início das aulas no próximo dia 10 de janeiro de 2022, segunda-feira, e como forma de ajudar na prevenção da situação epidemiológica”. A autarquia salienta que “a testagem é uma das medidas preventivas mais eficazes para combater a pandemia”, daí este apoio para que possam ser realizados os testes.

O concelho de Vinhais e todos os 12 concelhos do distrito de Bragança têm acompanhado a tendência de subida de casos de infeção das últimas semanas, com um total de quase 1.500 confirmações em toda a região.

Os dados de que a comunicação regional tem dado conta constam dos boletins oficiais das autoridades locais de saúde. Os dados revelam, também, que os três hospitais da região tinham, na quarta-feira, oito doentes internados em enfermaria e três nos cuidados intensivos.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.