Quinta-feira, 25 de Julho de 2024
No menu items!




CCEA proporciona formações gratuitas para cuidadores formais e informais

O Centro de Competências de Envelhecimento Ativo (CCEA) chegou a Vila Real com o objetivo de promover o envelhecimento ativo e saudável da população.

-PUB-

Uma das formadoras, Ana Rita Silva, revelou à VTM que o “nosso principal foco é a capacitação dos agentes que se encontram a intervir diretamente nos cuidados à pessoa idosa”.

Apesar de o CCEA ter sede em Loulé (Faro), é uma entidade que “dinamiza formações na área dos cuidados à pessoa idosa em todo o território nacional, de carácter gratuito, com acesso a Certificado de Participação pelo CCEA”.

Acrescenta ainda que as formações destinam-se a “capacitar os cuidadores formais e informais com intervenção direta nos cuidados às pessoas idosas, sendo ministrada em regime e-learning ou presencial, dependendo da formação”.

Tem ainda como objetivo “capacitar funcionários ativos das estruturas residenciais para pessoas idosas e equipamentos sociais similares, com competências técnicas e psicossociais para que estes possam oferecer cuidados e serviços de alta qualidade, que permitam melhorar a vida dos idosos”.

O CCEA está espalhado pelo país inteiro, onde conta com um leque de formadores que estão disponíveis para ajudar a formar cada vez mais pessoas nesta área.

FORMAÇÃO EM VILA REAL

Danielle Bettencourt, outra formadora, revelou que 25 e 26 de junho, das 9h00 às 12h30, o Pavilhão dos Desportos de Vila Real vai receber uma ação de formação destinada aos cuidadores informais.

“Para se inscrever, as pessoas não têm que pertencer a nenhuma instituição. Vamos ter 14 módulos em que o objetivo é dar estratégias para capacitar essas pessoas, que terão um certificado de participação”.

Nas formações são dados ensinamentos sobre “respostas sociais na Terceira Idade, nutrição e alimentação, cuidados com a higiene oral, prevenção e controlo de infeção, cuidados com a pele e com a postura e mobilidade, prevenção de quedas, assim como cuidados com a autonomia da pessoa idosa”, entre outros.

Na componente prática são dados exemplos com a higienização das mãos, controlo de infeção (uso de EPI e desinfeção de superfícies), treino, demonstração e avaliação de casos práticos sobre higiene e conforto, atuação em situações de emergência, etc.

http://www.cceativo.pt

 

[adrotate group="24"]

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

VÍDEOS




Mais lidas

[adrotate group="3"]

ÚLTIMAS NOTÍCIAS