Quinta-feira, 22 de Fevereiro de 2024
No menu items!

Centro Hospitalar “necessita com urgência” de angiógrafo

O Centro Hospitalar de Trás-os-Montes e Alto Douro (CHTMAD) espera “há vários anos” por um angiógrafo, uma necessidade reclamada por médicos e utentes.

-PUB-

Rui Ramos, médico e coordenador da Radiologia de Intervenção, refere que “há três anos que está previsto um centro endovascular, com a colocação de dois angiógrafos”. Antes deste projeto, “há mais de uma década” que se falava na aquisição de pelo menos um angiógrafo para o Centro Hospitalar. No entanto, não se sabe quando é que o projeto “sairá do papel”, frisa o médico.

O mesmo responsável explica que este será um projeto “estrutural para a região”, servindo não só a área que coordena, mas também a cirurgia vascular e cardiologia. “É muito importante que o projeto entre em execução no início deste ano, até porque não há nenhum angiógrafo público ou privado nos distritos de Vila Real e Bragança”.

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

VÍDEOS

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.