Sábado, 4 de Fevereiro de 2023
No menu items!
0,00 EUR

Nenhum produto no carrinho.

Feira de Outono “abriu” portas às escolas do concelho

Praça do Município juntou vários estabelecimentos escolares

-PUB-

Sábado, sol e época natalícia. Os ingredientes perfeitos para sair de casa e visitar a Feira de Outono que, na Praça do Município, juntou os vários estabelecimentos escolares do concelho de Vila Real.

Na tenda, montada para o efeito, e que permitiu fugir ao frio, as bancas estavam cheias de legumes, bolos e artesanato. Numa das bancas encontrámos Ana Cristina Gonçalves, educadora de infância no Colégio Moderno de São José, para quem este tipo de eventos “dá movimento à cidade e, ao mesmo tempo, dá a conhecer as nossas escolas”.

“É importante para nos darmos a conhecer e para os meninos acaba por ser um dia diferente”, acrescenta, referindo que “o sol veio ajudar. De manhã estava muito frio, mas as pessoas vieram em massa e estamos a escoar muito bem os nossos produtos”.

 “De manhã estava muito frio, mas as pessoas vieram em massa. É um dia diferente para todos”
ANA CRISTINA GONÇALVES
 COLÉGIO MODERNO SÃO JOSÉ

À venda tinham legumes, compotas, frutos secos e bolos. “Grande parte dos produtos foram trazidos pelas famílias dos nossos alunos e depois houve também fornecedores do colégio que quiseram contribuir”, explica Ana Cristina, referindo que “alguns dos legumes são da nossa horta”.

Quanto ao dinheiro “vai reverter a favor do Colégio”, sendo usado, por exemplo, “para comprar as lembranças do Natal”, mas não só. A educadora lembra que, com o dinheiro do ano passado, “conseguimos apetrechar a biblioteca e adquirir bancas da fruta”.

A Feira de Outono é realizada pela Câmara Municipal de Vila Real. Alexandre Favaios, vereador com o pelouro da educação, fala de um evento que “traz as escolas para fora das suas portas”, permitindo “criar laços com a comunidade”.
“Os pais, as crianças e os professores estiveram aqui ao longo de todo o dia, embelezaram esta praça e a cidade, como se vê, aderiu e ganhou vida”, salienta.

A Feira de Outono contou com a presença dos diversos estabelecimentos de educação e ensino do concelho, nomeadamente o Agrupamento de Escolas Diogo Cão, o Agrupamento de Escolas Morgado Mateus, a Escola Secundária Camilo Castelo Branco, a Escola Secundária de S. Pedro, a Escola Profissional Agostinho Roseta, a Associação de Paralisia Cerebral de Vila Real, o Nuclisol – Jean Piaget, o Colégio Moderno de São José e a Santa Casa da Misericórdia de Vila Real.

Um dos pontos altos foi protagonizado pelo grupo “Para cá dos Montes”, que levou “a palco” pessoas com deficiência, num momento de dança apreciado por dezenas de pessoas.

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

COMENTAR FACEBOOK

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.