Domingo, 26 de Maio de 2024
No menu items!

PSP apreende cerca de 95 mil doses de droga

O Comando Distrital da Polícia de Segurança Pública (PSP) de Vila Real realizou várias operações e fiscalizações na sua área de jurisdição durante os dias 18 a 25 de março

-PUB-

Em comunicado, a PSP revela que iniciou, no dia 22 de março, a primeira fase da operação “Lisboa”, em que foram realizadas quatro buscas domiciliárias, duas em São Pedro de Veiga do Lila (Valpaços), uma em Lisboa e outra em Pedrogão (Torres Novas).

“A operação começou com a detenção, em flagrante, de dois homens de 49 e 61 anos, na cidade de Mirandela. E na mesma hora, a detenção de um homem e uma mulher, em Lisboa com idades de 84, e 63 anos, por mandado de detenção”, explicou a PSP.

Como resultado das diligências efetuadas foram apreendidos: 1329,40 euros em notas BCE; uma arma de fogo; quatro telemóveis; diversos documentos com interesse; 52.320 doses de heroína; 43.430 doses de cocaína; 67 munições de vários calibres; um carro e duas balanças de precisão.

Os detidos já estiveram presentes às autoridades judiciárias, sendo que três deles foram libertados e sujeitos a apresentações periódicas na PSP e um outro continua detido, cujo interrogatório irá prosseguir.

Nos restantes esforços realizados no âmbito de combate à criminalidade de entre as várias ocorrências e ações desenvolvidas, as autoridades salientam também que houve quatro detidos por condução de veículo em estado de embriaguez, três sem habilitação legal para condução, outro  por cumprimento de mandado de detenção/condução e um outro detido por cumprimento de mandado de detenção de pena efetiva.

Durante o mesmo período temporal, no que diz respeito à sinistralidade rodoviária, foram registados 14 acidentes de viação, com o registo de três feridos.

A PSP apela a todos os condutores que respeitem as regras do Código da Estrada e a legislação em vigor, bem como as ordens emanadas pelas autoridades policiais.

 

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

VÍDEOS

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS