Terça-feira, 18 de Janeiro de 2022
©DR

Achado arqueológico comprova ocupação militar romana

Depois de, em maio, o município de Montalegre ter noticiado a descoberta de um possível achado arqueológico em Vegide, freguesia de Tourém, a equipa responsável pela investigação do mesmo confirmou, agora, a sua validade.

-PUB-

Isto é, naquele lugar existiu um acampamento militar romano, bem como “uma ocupação pré-histórica prévia”.

De acordo com nota da autarquia barrosã, o acampamento, “possivelmente de carácter temporário ou semipermanente, foi ocupado entre finais do século I a.C. e inícios do I d.C., sendo mais antigo que o vizinho forte de Aquis Querquennis em Bande, Ourense”.

A investigação arqueológica decorreu no âmbito do projeto Finisterrae, financiado pela Comissão Europeia, e foi liderada pelo arqueólogo João Fonte, da Universidade de Exeter. Contou, ainda, com o apoio financeiro e logístico do município de Montalegre, da Junta de Freguesia de Tourém, do Ecomuseu de Barroso e do Concello de Calvos de Randín, na vizinha Espanha.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.