Quarta-feira, 28 de Julho de 2021
© Márcia Fernandes

Agricultores devastados com estragos provocados pelo granizo

Vila Real, Armamar e Lamego foram os concelhos mais afetados por nova tempestade de granizo, que arrasou vinhas, pomares e outras culturas. Derrubou ainda muros, inundou casas e deixou muitos prejuízos. Autarcas pedem apoios ao Governo para minimizar perdas, que em muitos casos foi total.

-PUB-

É um cenário desolador. Ao entrar na aldeia de Guiães, concelho de Vila Real, as videiras que outrora estavam verdes, estão agora despidas e resta apenas a vara, que também sofreu cortes que podem ter ditado o fim da planta.

O granizo e a chuva intensa voltaram a arrasar o que restava das vinhas e de outras culturas, que ficaram devastadas pela tempestade que assolou a região no fim de semana.
Desta vez, houve ainda inundações em casas, caminhos intransitáveis devido à terra e às pedras que foram arrastadas pela corrente forte e muros caídos.

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.