Sexta-feira, 7 de Maio de 2021

Carlos Moreira

Vereador do PSD na Câmara de Vila Real
10 Artigos de opinião

Reflexões – Para onde vamos?

A impunidade, que se tem acentuado nos últimos anos, é a responsável pela incontinência da sofreguidão de alguns, alimentados pelas práticas e exemplos que vêm de cima”

Do discurso propalado à realidade praticada

Sem dúvida alguma que é nas horas difíceis que melhor se conhecem as pessoas.

Algo vai mal no reino municipal

Um pedido de reunião com a Câmara Municipal de Vila Real para falar da Olaria de Bisalhães e ainda antes da reunião acontecer, foi o pequeno toque para despoletar mais uma destemperada reação do executivo municipal e atacar o principal partido da oposição, que naturalmente tem todo o direito e também obrigação, de questionar e participar no encontro das melhores opções que entende para o concelho.

Reflexões

A propósito da nova concessão de estacionamento, não posso deixar de expressar aqui a minha opinião, sobre o que penso ser uma decisão insistentemente errada e por várias razões.

Ainda o poder do tempo

Mais uma vez, como ainda recentemente escrevia, o tempo encarrega-se de esclarecer e clarificar o que por vezes nos parece estranho e nos é incomprensível.

O tempo e os seus tempos

O Tempo é sem dúvida alguma o maior fator de clarificação das nossas dúvidas. Estou a falar das vivências pessoais e coletivas, em que a manipulação das coisas tem uma importância primordial na vida em sociedade.

Aeródromo ao serviço de Vila Real e da Região

Passados cinco meses sobre o encerramento do Aeródromo de Vila Real, não posso deixar de exteriorizar a minha preocupação pela lentidão e até desprezo que a situação tem merecido.

Falando ainda de preocupações urbanísticas

Os instrumentos de gestão e planeamento da edificação e urbanização em vigor, prevêm e bem, que em vários tipos de empreendimentos deverão ser cedidas áreas destinadas a espaços verdes e de utilização coletiva, infraestruturas viárias e equipamentos.

Falando de preocupações urbanísticas e do Complexo de Codessais

Em setembro de 2017, na véspera das eleições autárquicas desse ano, fomos “presenteados” com um “master plan” para a reversão do Complexo de Codessais.

Reflexões: Obras para que vos quero?

Decorrido que está algum tempo desde o início da intervenção em várias ruas da cidade, tornou-se mais perceptível o que se propõe para mudar a sua face.