Sábado, 18 de Setembro de 2021

Duas décadas a animar os vila-realenses

A Transmontuna vem-se afirmando como uma referência no plano académico, tendo conquistado diversos prémios

-PUB-

Decorria o ano de 1998 quando, por brincadeira, dois estudantes universitários ponderaram criar uma tuna masculina. Foi num dia de Páscoa que Miguel Fonseca e José Rainho decidiram avançar com um projeto inovador e estimulante.

Aquando de uma reunião, mais formalizada, no café “Vitó”, onde se costumavam encontrar habitualmente, o projeto deixou de ser apenas uma ideia e tornou-se uma realidade.

“Éramos oito elementos, mas dois tiveram que sair. Os seis que se mantiveram foram o núcleo duro da tuna. Nós formámo-la e trabalhámos para que o grupo avançasse e evoluísse”, contou um dos fundadores, José Rainho.

Passado vinte anos, a tuna foi deixando a sua marca pelos locais onde passou. Tornou-se uma referência quer no plano da

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.