Terça-feira, 17 de Maio de 2022

Município ampliou cobertura de internet sem fios

A Câmara Municipal de Boticas alargou a rede de internet sem fios a vários locais públicos da sede de concelho que ainda não dispunham de um ponto de acesso gratuito ao Wi-Fi

O alargamento da rede de internet sem fios ocorreu no âmbito da iniciativa “WiFi4EU”, um programa da Comissão Europeia que tem como principal objetivo a promoção da conectividade sem fios (Wi-Fi) gratuita nos espaços públicos em todo o território europeu.

Desta feita, o município botiquense alargou a cobertura de internet sem fios a vários locais públicos da sede de concelho que ainda não dispunham de um ponto de acesso gratuito à rede Wi-Fi. Aqui incluem-se “as Piscinas Municipais cobertas e descobertas, o Centro Europeu de Documentação e Interpretação da Escultura Castreja (CEDIEC), o Centro de BTT, o Jardim do Ribeiro do Fontão, o Ecomuseu de Barroso e a Biblioteca Municipal”.

De acordo com o município, “apesar do espaço ainda não estar em funcionamento, também a futura Casa das Associações/Espaço Intergerações foi abrangida por este investimento da União Europeia, no âmbito do quadro do Mecanismo Interligar a Europa (Connecting Europe Facility – CEF)”.

Em comunicado, a autarquia fez saber que “a escolha dos locais de implementação da rede WiFi4EU está alinhada com os objetivos do programa e com a aposta que a Câmara de Boticas tem vindo a desenvolver no sentido de tornar os espaços públicos mais atrativos tanto para os munícipes como para os visitantes”.

Como tal, “qualquer cidadão poderá aceder à internet através desta nova rede, designada de “WiFi4EU”, sem qualquer tipo de custo associado”. Para aceder, “o utilizador apenas tem de selecionar a rede “WiFi4EU” no seu dispositivo móvel, confirmar e aceitar os termos e condições definidas por lei para que o acesso seja imediato”.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.