Domingo, 26 de Maio de 2024
No menu items!

Profissionais de saúde e doentes juntos para falar da reabilitação respiratória

Na segunda-feira assinalou-se o Dia Nacional da Reabilitação Respiratória

-PUB-

Em Alijó decorreu uma iniciativa com o objetivo de alertar a comunidade para a importância do trabalho dos profissionais de saúde que atuam na área da reabilitação e os seus benefícios para a qualidade de vida dos doentes respiratórios crónicos.

A sessão de abertura contou com a intervenção da vereadora do Pelouro da Saúde, Sónia Pires, que felicitou os profissionais de saúde pelo empenho nesta área específica e deixou uma palavra de apoio e coragem a todos os doentes respiratórios crónicos.

Na sessão dedicada à importância da Enfermagem de Reabilitação na Saúde, a enfermeira especialista e docente da UTAD, Patrícia Pires, falou sobre o projeto “Consulta do Doente Respiratório”, da responsabilidade de Verónica Esteves, enfermeira especialista em Enfermagem de Reabilitação na UCC Alijó.

No final, os presentes participaram numa sessão de atividades ao ar livre e exercícios respiratórios, com José Rua, enfermeiro especialista em enfermagem de reabilitação e coordenador da UCC de Alijó. Marcou presença o presidente do Núcleo de Enfermagem de Reabilitação Respiratória do ACeS Douro I – Marão e Douro Norte.

A reabilitação respiratória consiste numa intervenção multidisciplinar, supervisionada por um médico, e que trata pessoas com doenças respiratórias crónicas, ajudando-as a respirar mais eficientemente, a melhorar a sua capacidade de exercício e a qualidade de vida.

No final, o município de Alijó agradece o empenho e dedicação das entidades parceiras da organização deste evento, a Unidade de Cuidados na Comunidade (UCC) de Alijó e o Núcleo de Enfermagem de Reabilitação Respiratória do ACeS Douro I – Marão e Douro Norte (ULS TMAD).

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

VÍDEOS

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS