Quarta-feira, 17 de Agosto de 2022
António Martinho
António Martinho
VISTO DO MARÃO Ex-Governador Civil, Ex-Deputado, Presidente da Assembleia da Freguesia de Vila Real. Colunista n'A Voz de Trás-os-Montes

Bom Tempo no Canal (III)

Ocorreu-me iniciar assim o meu “Visto do Marão” desta semana. Por coincidência, atravessei o canal de Vitorino Nemésio no passado dia 5, com “águas redondas”, para aquela “ilha perdida” que o diretor do Museu dos Baleeiros – o Manuel - classificou como “muito pobre”, das “mais pobres dos Açores”. Atrás de um sonho?! Nem por isso. De uma realidade, singela para mim, mas de inegável importância, pois ali fui receber o diploma «Chave Verde 2015», que a ABAE concedeu, por concurso, à Casa da Trigueira.

-PUB-

Verdade seja dita que a chuva que caiu toda a manhã fez jus aos que se referem à meteorologia açoriana como muito especial: chover e abrir o sol pouco depois foi uma constante por aqueles dias, ou como nos disse o taxista: de manhã, chove e à tarde, temos sol. Mesmo com essa ameaça foi possível subir à caldeira do Faial e deslumbrarmo-nos com a vista com que a natureza nos presenteia à chegada, como também foi possível subir, ao fim da tarde, ao miradouro do Monte Carneiro e, num só lance de vista, poder admirar a cidade da Horta, a ilha de S. Jorge e a Ilha do Pico, sem chapéu, como por ali

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

Mais Lidas

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.