Quarta-feira, 18 de Maio de 2022

Chamas consomem habitação devoluta

O alerta foi dado pelas 18h05 desta tarde. De acordo com a PSP de Chaves não há, por agora, suspeitas de fogo posto

De acordo com José Lima, comandante dos Bombeiros Voluntários Flavienses, no local, “o alerta foi dado para a nossa central por volta das 18h. Foi-nos informado que se trataria de uma casa devoluta”, situada na Rua de São Roque, na União de Freguesias de Madalena e Samaiões, em Chaves, “o que foi confirmado pela primeira equipa que chegou passados uns minutos. Como a casa estava completamente tomada pelas chamas, foi pedido mais apoio”.

Porém, “não representava perigo para as habitações mais próximas, dada a distância razoável das mesmas face à habitação que estava a arder. Procedemos à extinção do incêndio e entrámos na fase de rescaldo para evitar fumos”, frisou.

Quanto à possível causa deste incêndio, ainda que seja, por agora, desconhecida, José Lima avançou que pode estar relacionada “com a corrente elétrica” existente na casa. “Estamos a aguardar pela chegada do pessoal da EDP para proceder ao corte da mesma”.

A combater as chamas estiveram “18 operacionais dos Bombeiros Flavienses, apoiados por seis viaturas”. No local esteve, também, a PSP de Chaves, com três viaturas e seis elementos.

De acordo com esta Polícia, não há, por agora, suspeitas de fogo posto. “Se tal se verificar, a investigação passará para o domínio da Polícia Judiciária”.

Ao que a VTM conseguiu apurar junto de populares, a habitação em causa estaria desabitada há já vários anos. O atual proprietário esteve no local mas optou por não prestar declarações.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.