Sábado, 18 de Setembro de 2021
© Arquivo VTM

GNR deteve suspeito de atear fogo em Ribeira de Pena

Um homem de 66 anos foi detido pela suspeita de um crime de incêndio florestal no concelho de Ribeira de Pena, que terá tido início numa queimada "não autorizada" e que "se descontrolou", anunciou hoje a GNR

-PUB-

O Comando Territorial de Vila Real disse, em comunicado, que após um alerta de incêndio florestal, no sábado, os elementos da GNR “deslocaram-se de imediato para o local, onde apuraram que o incêndio teve início numa queimada não autorizada, que se descontrolou”.

O detido, de 66 anos, foi constituído arguido e os factos foram remetidos para o Tribunal Judicial de Vila Pouca de Aguiar.

A ação contou com o reforço da Unidade de Emergência de Proteção e Socorro (UEPS).

Em 2021, o Comando Territorial da GNR de Vila Real identificou 56 suspeitos de incêndios florestais, dos quais cinco foram detidos em flagrante.

A GNR aproveitou para relembrar que, “em qualquer altura do ano, é proibido queimar matos cortados e amontoados e qualquer tipo de sobrantes de exploração florestal ou agrícola sem pedir autorização ou fazer comunicação prévia”.

Segundo a força policial, a “realização de queimadas só é permitida após autorização do município ou da freguesia e carece de acompanhamento de um técnico credenciado em fogo controlado”.

“Para evitar acidentes siga as regras de segurança, esteja sempre acompanhado e leve consigo o telemóvel”, aconselhou ainda a GNR.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.