Segunda-feira, 16 de Maio de 2022

Celebrações do Domingo de Ramos regressam dois anos depois

É o dia que marca o arranque da Semana Santa. Dois anos depois, as celebrações do Domingo de Ramos estão de volta, para satisfação dos fiéis.

A pandemia veio alterar a vida de toda a gente. No caso dos católicos, viram-se privados das celebrações de forma presencial, nomeadamente missas e visitas pascais.

Este ano, a normalidade está, aos poucos, a regressar. Hoje, dia que marca o arranque da Semana Santa, foram muitos os fiéis que, de ramo de oliveira na mão, se deslocaram à Igreja Paroquial de Mouçós para a eucaristia do Domingo de Ramos.

A cereminónia começou no exterior da igreja, com o padre Márcio Martins a benzer os ramos. Um deles pertence a Jacinta Costa que faz questão de benzer o ramo “todos os anos”, confessando que os últimos dois anos, em que se viu privada desta celebração, “foram anos tristes”.

“É uma tradição que temos e não a poder realizar mexe connosco”, acrescenta.

Desde que se lembra, Jacinta guarda o ramo de um ano para o outro. “Quando chegar a casa pego no velho, queimo-o e guardo o novo”, conta, frisando que “como é algo que está benzido tem de ser queimado, não pode ser deitado fora de qualquer maneira”.

Depois da benção dos ramos, fiéis e pároco seguiram, em procissão para a igreja, onde se deu seguimento à eucaristia dominical.

Uma tradição que se volta a repetir, dois anos depois, para satisfação dos fiéis.

Notícia desenvolvida na edição de 14 de abril

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.