Sábado, 25 de Maio de 2024
No menu items!

Fica com pulseira eletrónica por violência doméstica contra a mãe

A GNR deteve um homem de 54 anos, por violência doméstica, na quinta-feira (4), no concelho de Mirandela.

-PUB-

O Comando Territorial de Bragança explicou que a Guarda recebeu uma denúncia por violência doméstica, e que os militares da do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) se deslocaram de imediato ao local, e apuraram que o suspeito exercia violência física e verbal sobre a vítima, sua mãe de 73 anos.

O suspeito foi detido e presente, no mesmo dia ao Tribunal Judicial de Mirandela, onde lhe foram aplicadas as medidas de coação de proibição de contactar, direta ou indiretamente, por si ou interposta pessoa com a ofendida; assim como de frequentar as proximidades da residência (atual ou futura) da vítima, nem nela permanecer, e a proibição de se aproximar, por qualquer meio, a uma distância inferior a 500 metros, sendo estas medidas controladas por pulseira eletrónica.

As autoridades reforçam que a violência doméstica é um crime público e “denunciar é uma responsabilidade coletiva”.

 

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

VÍDEOS

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS