Domingo, 26 de Maio de 2024
No menu items!

Tapete de flores estende-se por um quilómetro

Tradição que celebra Nossa Senhora dos Prazeres, em Mateus, é mantida com afinco

-PUB-

A comunidade junta-se desde cedo no sábado, dia anterior à festa em honra de Nossa Senhora dos Prazeres, para fazer os tapetes de flores, por onde vai passar a procissão. A rua das flores, em Mateus, faz jus ao nome e fica enfeitada de cima a baixo, com motivos e desenhos que saem da cabeça dos residentes.

“É um pouco difícil, há uns moldes para o tapete, que são preenchidos com serrim ou areia, o resto são as pessoas que tiram da cabeça e fazem assim”, admite Isabel Carvalho. Os moldes de madeira são a base dos desenhos criados com flores, verduras, mas também bolotas, maçarocas e outros objetos provenientes da natureza, que dão forma e cor aos padrões. O trabalho de recolha dos materiais é feito por quem tem mais disponibilidade. “Vão pedindo flores e procurando “uns verdes”, na semana que antecede a festa.

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

VÍDEOS

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS