Quinta-feira, 11 de Agosto de 2022

Viatura de combate a incêndios da GNR atingida pelas chamas

Uma viatura pesada de combate a incêndios da GNR foi hoje atingida pelas chamas em Vales, no incêndio que lavra em Vila Pouca de Aguiar, tendo os militares saído ilesos

-PUB-

“Uma viatura pesada de combate a incêndios, da Companhia de Ataque Estendido (CATE) de Aveiro, da Unidade de Emergência de Proteção e Socorro (UEPS), encontrava-se a posicionar os seus meios para iniciar trabalhos no teatro de operações de Vales, em Vila Pouca de Aguiar, Vila Real, quando foi atingida pelo fogo”.

 “Tal deveu-se a alterações repentinas das condições meteorológicas que, juntamente com a forte intensidade do incêndio, fez deslocar a frente do incêndio na direção da viatura que já estava posicionada”.

Apanhados pela “velocidade da propagação”, aos militares “não foi possível retirar a viatura (…) abandonando a mesma para salvaguardar a sua integridade física”.

A informação da GNR, que não revela nem a hora da ocorrência nem o número de militares que seguiam na viatura, garante, contudo, “que não foram registados feridos”.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

COMENTAR FACEBOOK

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.