Quarta-feira, 1 de Fevereiro de 2023
No menu items!
0,00 EUR

Nenhum produto no carrinho.

Joana Moreira da Silva
Joana Moreira da Silva
Médica Veterinária. Colunista n'A Voz de Trás-os-Montes

Perigos da primavera para seu pet

O bom tempo convida ao contato com a natureza e principalmente agora, neste momento que atravessamos, os passeios ao ar livre tornam-se mais frequentes e necessários.

-PUB-

E porque os nossos animais de estimação são curiosos vamos relembrar algumas situações que os põem em perigo. O aumento das temperaturas aumenta também a incidência de parasitas externos, nomeadamente pulgas e carraças.

Estes parasitas podem ser portadores de doenças graves para eles e para nós, as chamadas zoonoses. Também é na Primavera que o flébotomo, responsável pela transmissão da leishmaniose, inicia a sua atividade. Tenha especial atenção na escolha do desparasitante, opte por um com função repelente para este vetor. 

A picada de abelhas, vespas e outros insetos também são causas de urgências nesta altura, pois para além de provocarem inchaço na região afetada também pode comprometer as vias respiratórias.

A processionária, também conhecida pela lagarta do pinheiro, é altamente tóxica para cães e gatos. O contato com esta lagarta provoca salivação excessiva, vómitos, comichão e asfixia em situações muito graves. Os pesticidas usados nas culturas também representam um perigo para eles pois dada a sua curiosidade, eles gostam de mordiscar as folhas e as ervas, podendo ocorrer uma intoxicação.

Nas caminhadas, o encontro com animais desconhecidos pode resultar numa feliz brincadeira, mas pode também acabar com umas mordidas. 

E por último vou falar sobre o perigo da exposição solar para os felinos de pelagem branca e mucosas claras. Os animais com esta especificidade têm um risco acrescido de desenvolver carcinoma das células escamosas, um tipo de tumor que se desenvolve nas orelhas e no plano nasal.

O uso de protetor solar pode reduzir a sua ocorrência. Se o seu animal apresentar os sintomas acima referidos procure de imediato assistência veterinária.

Curiosidade

Sabia que… a processionária pode provocar necrose da língua do animal, correndo o risco de perder parte desta.

Mais lidas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.