Terça-feira, 29 de Novembro de 2022

Rodagens de “Motel Valkirias” percorrem concelho de Montalegre

A coprodução entre a SPi e a produtora galega CTV, para a RTP e a Televisão da Galiza, está no concelho barrosão há já quatro semanas. As rodagens contam com 188 figurantes locais

-PUB-

De acordo com o diretor de produção, João Santana, “Montalegre recebe sempre muito bem os projetos audiovisuais. Pessoalmente, já é o terceiro que faço em Montalegre e temos sempre um apoio imenso, quer do município, quer das gentes daqui. Fora as condições meteorológicas que complicam sempre, um bocadinho, o nosso trabalho, está a correr lindamente. Temos paisagens inacreditáveis”.

Segundo o próprio, “do primeiro ao último episódio, a série vai retratar imenso o concelho, desde Pitões da Júnias, ao Alto Rabagão, Larouco, Paradela, centro da vila. Estamos a potencializar ao máximo a paisagem e o ambiente de Montalegre. Estamos super contentes com as filmagens”, frisou.

Segue-se “um processo que as pessoas desconhecem muito, que é a pós-produção e que demora quase tanto como a rodagem. A estreia está prevista para o último trimestre deste ano, quer na RTP, quer na Televisão da Galiza, mas não há nenhuma data confirmada. Em breve, toda a gente saberá quando será a estreia”. Em Portugal, “será, certamente, em horário nobre”, avançou.

A figuração “é toda local. Esta é a nossa quarta e última semana aqui. Contamos com 188 figurantes de Montalegre. A equipa técnica conta com cerca de 60 pessoas, fora elenco. É um projeto que envolve muita gente”, destacou João Santana.

 

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

COMENTAR FACEBOOK

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.