Terça-feira, 19 de Outubro de 2021
Mário Lisboa
Tenente-Coronel da Força Aérea. Colunista n'A Voz de Trás-os-Montes

O Sport Club de Vila Real

Fiquei triste e muito conturbado ao ter conhecimento do processo, quase agonizante, do Sport Clube de Vila Real, o “Bilas” – com a sua continuidade nos distritais.

-PUB-

Desde muito novo, habituei-me a ir ao velho Campo do Calvário levado pelos meus saudosos pais, afim de sentir as múltiplas emoções dos grandes jogos entre o Sport Clube e outros equipas que, na época, enchiam aquele campo pequeno, mas grande em presenças.

Assim, nesta hora de contemplação e de esperança, apetece-me esse sentimento nostálgico que me fere e castiga, levando-me a recordar aqueles que, num tempo distante, povoaram a minha geração. O Marques na baliza, o Guedes na defesa, o Barreira como central, a dupla Abel Passos e Zé Vilela no meio campo, e a velocidade do Zé Melo, como o pontapé de canhão do Abílio Brioso (o cesteiro), bem como, o Rocha e o Taveira e muitos outros quer a minha ainda saudável memória parece querer eternizar.

Enfim, outras gerações nos anos 60 continuaram a manter o Sport Clube sempre candidato à subida à 1ª Divisão, não à 2ª e 3ª Divisão como, nos últimos 20 anos, tem acontecido.

Neste momento de preocupação, deixo aqui o meu lamento, mas também a minha esperança.

Espero, ainda, um dia subir a rampa do Calvário – e sonho meu – ver o Campo, que tantas alegrias nos deu, abrir para tentar recuperar não só aqueles tempos, mas ressuscitar a mística do “Sport Clube” do Fernando Cardoso (O Choco) e de tantos outros que deram a sua vida para que o clube funcionasse, muitas vezes com sacrifício, que iam até ao empenho de bens e joias familiares para este poder continuar.

Finalmente, cumpre-me lembrar que o Sport Clube de Vila Real não é apenas um património físico, é também afetivo, e quando assim é, nada o destrói.

Há que olhar para o Sport Clube de Vila Real, como em Chaves se faz com o Desportivo, que felicitamos com o seu regresso à 1ª Divisão bem como a sua manutenção, numa demonstração inequívoca de bairrismo e sentido de identidade de todos os flavienses.

Parabéns Desportivo de Chaves.

Mais Lidas | opinião

O povo é quem mais ordena

Ferrovia Boas Notícias

Beneficiou da Moratória?

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.