Domingo, 23 de Junho de 2024
No menu items!
Manuela Sampaio
Manuela Sampaio
Profissionais da UCC Mateus escrevem regularmente neste espaço.

Dia Internacional da Criança

No dia 1 de junho comemora-se o Dia Internacional da Criança. Esta efeméride assinalou-se pela primeira vez em 1950 por iniciativa das Nações Unidas, com o objetivo de chamar a atenção para os problemas que as crianças então enfrentavam.

-PUB-

Apesar dos avanços significativos na proteção dos direitos das crianças desde a adoção da Declaração Universal dos Direitos da Criança em 1959, muitos desafios persistem no atual mundo globalizado. Embora a Convenção sobre os direitos da criança de 1989 tenha sido ratificada por quase todos os países, a sua implementação ainda é insuficiente em muitas partes do mundo. Ainda existem milhões de crianças que vivem em situação de pobreza extrema, sem acesso a cuidados de saúde, educação e alimentação adequados.

O trabalho infantil continua a ser um problema grave com cerca de 152 milhões de crianças envolvidas, muitas vezes em condições precárias e perigosas. O abuso e a exploração sexual de crianças também são preocupações crescentes, especialmente com o aumento do uso da Internet. Conflitos armados e deslocamentos forçados afetam milhões de crianças, que ficam expostas à violência, separação familiar e falta de acesso a serviços básicos. Crianças com deficiência enfrentam barreiras adicionais e discriminação em muitos países.

Para garantir a plena realização dos direitos das crianças, é necessário um esforço global para erradicar a pobreza, promover a igualdade, investir em serviços sociais de qualidade e proteger as crianças contra todas as formas de violência e exploração.

Em suma, a Declaração Universal dos Direitos das Crianças estabelece um padrão ideal de tratamento e proteção, mas a sua realização prática ideal ainda está muito aquém.

Esforços contínuos e cooperação internacional dos governos, organizações e sociedade civil são essenciais para garantir que todas as crianças possam crescer num ambiente seguro e saudável, e tornar os direitos das crianças uma realidade para todas.

OUTROS ARTIGOS

ARTIGOS DE OPINIÃO + LIDOS

Notícias Mais lidas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.